Tavares no Caminho da Fé: 2019

Atualizado: Ago 24


Por Fábio Tavares:


Minha relação com o Caminho da Fé é bem antiga e diversificada, começando com um passeio de bike sem pretensão em Mococa, passando pela minha participação na Ultramaratona BR 135, até os recentes treinos para as competições de corrida de montanha. Foram vários kms, vários trechos, porém nenhuma sequência contínua de trechos, no máximo ligação entre três cidades. Mas no fundo, sempre tive o desejo em fazer o caminho completo dos peregrinos e chegar em Aparecida.


Porém desde início de 2019, um sentimento mais forte me chamava para o caminho. Refletia bastante pelos motivos: uma recente presença maior da religião em minha vida, nascimento dos meus filhos, momentos de reflexão no trabalho, etc. Conversei bastante com o Caco Fonseca, que me aconselhou a fazer depois da minha corrida no Mont Blanc que seria em Agosto 2019 para não prejudicar os treinos. Inicialmente tinha entendido e aceitado, vamos jogar para Outubro essa missão. Mas uma inquietação sempre voltada a tona, voltava a perguntar para o Caco, para outros amigos, e em determinado tempo coloquei o mestre na parede: Caco, qual prejuízo em fazer minha peregrinação antes do Mont Blanc, sinto que preciso muito realizar essa missão o quanto antes?. Colocado os pontos de risco, cuidados, planejamento inicial, liberado pelo treinador :)


Viver essa experiencia de 10 dias no Caminho da Fé foi mágico, momento único que levarei para o resto da minha vida e que conta mais detalhes no site: www.tavaresnocaminhodafe.com

8 visualizações