Estrada Real: Introdução


A Estrada Real é a maior rota turística do país com seus mais de 1.630 quilômetros de extensão, passando por Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo. Hoje, ela resgata as tradições do percurso valorizando a identidade e as belezas da região.


A sua história surge em meados do século 17, quando a Coroa Portuguesa decidiu oficializar os caminhos para o trânsito de ouro e diamantes de Minas Gerais até os portos do Rio de Janeiro. As trilhas que foram delegadas pela realeza ganharam o nome de Estrada Real.



Atualmente existe quatro caminhos principais nessa rota:


1) Caminho Velho: Também chamado de Caminho do Ouro, foi o primeiro trajeto determinado pela Coroa Portuguesa e liga Ouro Preto a Paraty;


2) Caminho Novo: Criado para servir como um caminho mais seguro ao porto do Rio de Janeiro, principalmente porque as cargas estavam sujeitas a ataques piratas na rota marítima entre Paraty e Rio;


3) Caminho dos Diamantes: O caminho tinha a intenção de conectar a sede da Capitania, Ouro Preto, à principal cidade de exploração de diamantes, Diamantina;


4) Caminho Sabarabuçu: Distrito de Ouro Preto, o lugar é cercado por esplêndidas paisagens de montanha e lendas que permeiam o imaginário popular;


Durante todo trajeto, encontrará marcos da Estrada Real. Eles estão sempre presentes onde há pontos de bifurcação ou em locais que geram dúvidas ao viajante sobre a continuação da trilha.



* Esse é apenas um texto introdutório sobre a Estrada Real, retirado do site do Instituto Estrada Real (http://www.institutoestradareal.com.br/estradareal).


Em breve faremos outros textos detalhando o caminho, inclusive divulgaremos mapeamento do percurso para futuro roteiro One9 :)


2 visualizações0 comentário